Publicador de conteúdo web

Corpo de Especialistas Voluntários do Museu da Justiça

Por meio do Ato Executivo 2439/2005, foi instituído, em maio de 2005, o Corpo de Especialistas Voluntários do Museu da Justiça, aberto a graduados em ciências humanas, assim como a técnicos e profissionais das áreas de restauração, artes plásticas, biblioteconomia, arquivística, informática, turismo, pedagogia e outras.  Também podem ser admitidos, a título de estágio não remunerado, acadêmicos voluntários matriculados em cursos daquelas especializações.

 

A iniciativa representa uma ótima oportunidade para quem deseja prestar sua colaboração, podendo ter, em contrapartida, acesso ao acervo histórico do Museu, valioso manancial de fontes de pesquisa para a elaboração de monografias e teses, principalmente nas áreas do direito, história e sociologia.

 

O Corpo de Especialistas Voluntários tem obtido uma boa aceitação, entre magistrados, funcionários, advogados e estudantes. Alguns desses colaboradores já vêm atuando efetivamente no campo da pesquisa.


Voltar