Em homenagem ao juiz João Luiz Pinaud, debate abordará questão identitária e prerrogativas de autoridades
Notícia publicada por Assessoria de Imprensa em 23/08/2018 13:00

No próximo dia 27 de agosto, às 9h30 às 12h no auditório José Navega Cretton, da Corregedoria Geral de Justiça do Estado do Rio de Janeiro, será realizado o debate “Grupos Identitários e Autoridades Locais em Mesas de Debate”.

Os expositores serão BERG GENEROSO, morador do Morro da Providência que falará sobre juventude da periferia, o cartunista CARLOS LATUFF, que falará do direito de ter direitos, a advogada CAROLINE BISPO que falará sobre a mulher na advocacia, o delegado ORLANDO ZACCONE que falará sobre vidas matáveis e a atuação do MP no arquivamento dos autos de resistência o e desembargador SIRO DARLAN, que falará sobre a vulnerabilidade de crianças e adolescentes.

O evento, em homenagem póstuma ao professor e juiz de direito João Luiz Duboc Pinaud, é organizado pelo juiz João Batista Damasceno e estava previsto desde o ano passado e não aconteceu antes em decorrência de falta de disponibilidade de espaço.

Toda a questão iniciou quando uma promotora de justiça de Itaguaí questionou no CNJ o fato de se ter realizado um evento na comarca onde exerce suas funções e de não ter sido convidada para compor a mesa. O convite feito a ela posteriormente para falar sobre o direito das autoridades locais de comporem mesas de debates realizados nas regiões onde trabalhem foi considerado, equivocadamente, um deboche.

“Além de ampliar os lugares de fala e nos educarmos para a escuta é preciso também ouvir o que tem a dizer os que se sentem atingidos em suas estabilidades. De outro modo, as interações restarão conflituosas e teremos campos minados pelo ódio”, disse Damasceno, organizador do evento. O evento não tem público alvo específico e terá entrada franca independerá de inscrição prévia. Foi convidada a promotora de Itaguaí, que não pode aceitar o convite em razão de outro compromisso anteriormente agendado.

A participação no evento contará como horas de estágio pela OAB-RJ para estudantes de Direito. Serventuários que participarem poderão contar o tempo como horas de capacitação pela Escola de Administração Judiciária/ESAJ. Lista será assinada no evento e independe de inscrição prévia.

 

SERVIÇO:

O quê: GRUPOS IDENTITÁRIOS E AUTORIDADES LOCAIS EM MESAS DE DEBATE

Quando: Dia 27 de agosto, das 9h30 às 12h

Onde: Auditório Desembargador José Navega Cretton da Corregedoria Geral de Justiça.

R. Dom Manuel, s/n – Lâmina I - 7º andar, Centro – RJ

 

Fonte: Gabinete do JDS des. João Batista Damasceno