Plantão Judiciário oferece atendimento à mulher vítima de violência doméstica no período de Carnaval
Notícia publicada por Assessoria de Imprensa em 12/02/2021 23:09

As mulheres vítimas de violência doméstica vão poder contar com atendimento, a partir deste sábado (13/02) até a próxima quarta-feira (17/02),  na Central Judiciária de Acolhimento da Mulher Vítima de Violência Doméstica (Cejuvida). A Central funcionará 24h no Plantão Judiciário do Tribunal de Justiça do Estado do Rio de Janeiro (TJRJ) durante o período de Carnaval. 

Além de poder contar com os juízes de plantão, quem buscar ajuda terá o apoio  das equipes de cartório, comissários, oficiais de Justiça e, especialmente, de psicólogos e assistentes sociais da Cejuvida - profissionais especializados da Central que auxiliam às vítimas de agressão sob risco de vida. 

As denúncias de violência contra a mulher podem ser feitas pelo telefone 180 (Central de Atendimento à Mulher); pelo 190 da PMERJ; e através do aplicativo Maria da Penha para pedido de medida protetiva de urgência, disponível no portal do TJRJ pelo link https://maria-penha-virtual.tjrj.jus.br.  

A vítima pode, também, registrar a ocorrência de violência doméstica em qualquer delegacia de polícia, em especial nas Delegacias Especiais de Atendimento à Mulher – DEAM. Todas as delegacias funcionam 24 horas por dia, todos os dias. 

Mais informações sobre como conseguir ajuda contra a violência doméstica podem ser obtidas no endereço https://bit.ly/confinamentosemviolencia. Nele, é possível acessar uma cartilha, que pode ser baixada, com dicas e serviços para as vítimas de violência. Em formato digital, com linguagem simples e direta, a publicação reúne todas as orientações.  

SV/FS