Justiça torna réu e afasta PM acusado de matar menina Ágatha
Notícia publicada por Assessoria de Imprensa em 09/12/2019 16:36

O Tribunal de Justiça do Rio de Janeiro aceitou a denúncia do Ministério Público contra o policial militar Rodrigo José de Matos Soares, suspeito de matar a menina Ágatha Vitória Sales Félix, de 8 anos, no Complexo do Alemão, Zona Norte da capital, em setembro. Agora, Rodrigo é considerado réu na ação, que corre na 1ª Vara Criminal. Ele não poderá sair do estado e terá que devolver a arma.

Na decisão da última quinta-feira (5), a juíza Viviane Ramos de Faria ressaltou que o policial efetuou disparos contra “pessoas que, a princípio, não representavam perigo aos agentes da segurança pública ou a terceiros, acabando por ceifar a vida de uma criança de apenas 8 anos de idade, deixando, inclusive, de prestar socorro a ela".

Número do processo: 0317851-10.2019.8.19.0001